quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Fééééérias!



A equipe do Vice Verso entra de férias! Mas não pense que vamos ficar parados. Durante nossa "folga" vamos criar, produzir e, principalmente, nos preparar para um novo ano de experimentações no rádio e, claro, chocar também na internet com o nosso grande projeto para 2010: o Portal Vice Verso! E podem se preparar porque ele vai movimentar a cultura capixaba como nunca! Duvida? Então aguarde.

E nas nossas férias no rádio vamos fazer muito mais do que reprisar programas. A partir desta quarta vamos preparar super Playlists Poéticas para dar uma trilha sonora marginal para o seu verão!

E começamos com um playslist incrível com músicas e poesias envolvendo o grupo artístico mais ousado do Rio de Janeiro: o CEP 20.000! Leia mais sobre o grupo aqui.

Não sabe que trilha ouvir antes do fim do ano? Então se ligue no Vice Verso Playlist Poética de hoje! A partir das 20h, na Universitária FM 104,7.

Hum, aproveitem as férias para ler aqueles livros que nunca dava tempo de ler e ouvir aqueles bons álbuns que já estão na sua pasta de mp3 há meses, mas você sempre esquecia de ouvir porque estava ocupado com outra coisa.

Boas festas! Voltamos em MARÇO com a nova temporada e com o tão aguardado lançamento do nosso Portal!

Você está convidado a desconstruir Vitória com a gente!

Feliz 2010!!!

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Promoção!!! Livro de Milson Henriques



Quem disse que poesia não rima com baixaria? Concorra ao livro de poemas Amor, Melancolia, Ternura e Baixaria, de Milson Henriques!

Vá em nosso twitter (aqui) e dê RT tradicional na mensagem da promoção!

Se você quiser participar por aqui basta deixar um comentário e seu e-mail.

O resultado sai amanhã! Valeeeeeeeeeendo!

Arquivo Vice Verso - Margareth Galvão, Higor Campagnaro, Marcos Luppi e grande elenco

O quadro Geléia Geral do Programa Vice Verso gosta de levar a experimentação para o rádio.

E que tal experimentar com o teatro? É isso que vamos tirar hoje da nossa bagagem do Arquivo Vice Verso. A leitura dramática de um trecho da peça Orfeu da Conceição, de Vinícius de Moraes. Saiba mais sobre a peça aqui.

No programa exibido em setembro em homenagem à Vinícius, convidamos a grande atriz Margareth Galvão (como mãe de Orfeu) e os atores da nova geração, Higor Campagnaro (Orfeu) e Marcos Luppi (pai de Orfeu).

Pra quem não ouviu a leitura no programa, tá na hora de ver a gravação dessa performance de forma orgânica, ou seja, sem nenhuma música de fundo. A emoção apenas na voz. Hum, recomendamos ouvir com fone de ouvido, só pra vocês sentirem mais a carga dramática. E não precisa nem dizer que Margareth Galvão dá show em qualquer lugar. Sem dúvidas uma atriz que sabe levar sentimento a cada palavra.

Então desliguem os seus celulares e tenham um bom espetáculo!


Leitura dramática da peça Orfeu da Conceição, de Vinícius de Moraes

E em breve tem mais arquivo na área! Aguardem!

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Arquivo Vice Verso - Arnaldo Antunes

O Arquivo Vice Verso continua trazendo mais acontecimentos marcantes do programa de rádio. Dessa vez vamos mostrar o dia em que ficamos frente a frente com o Titã mais experimental de todos: Arnaldo Antunes. Ele marcou presença no 11º Varal de Poesias "Fruta no Ponto", no Vagão Espaço Arte, em Manguinhos. E olha, não é por nada não, mas foi um grande encontro.



Gravamos áudios que foram exibidos no programa Vice Verso - Arnaldo Antunes (logo estará no tão aguardado podcast). Mas se não tem áudio, tem vídeo:

Obs: essa mão com um gravador faz parte da nossa equipe, rs.


Arnaldo canta Movimento VIII - álbum O Corpo


Pensamento

E pra fechar, tivemos o prazer de ouvir ao vivo uma das melhores músicas de Arnaldo Antunes:



E vem mais arquivos por aí! Até!

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Arquivo Vice Verso - Volta Methânia!

Já estávamos devendo este post há muito, mas muito tempo mesmo. E posso dizer que este não é o único arquivo guardado na nossa bagagem. Por isso chegou a hora de tirar tudo do baú, compartilhar com vocês e deixar eternizado por aqui. Está criada a sessão Arquivo Vice Verso.

E começamos com uma banda que, particularmente, o Vice Verso ADORA (e acha FOODA - cala boca Pitty). Sim, é a maior banda de Maria Bethânia Metal do Mundo! Eu disse DO MUNDO! Infelizmente o Methânia deu um tempo e sem previsão de volta. Uma pena, até porque a própria Maria Bethânia já sabe da existência dos meninos. Você não viu o vídeo da descoberta da diva? Então roda:



Pois é, e o Methânia já esteve nos estúdios da Universitária dando pinta no Vice Verso no programa onde misturamos Bethânia, Fernando Pessoa e Tom Jobim (em breve no podcast do nosso portal - falamos disso depois). E foi demais! Rolou até funk (desce uns dois posts que você vai ver). Mas não rolou só isso. Os meninos do Methânia também mandaram um som ao vivo com uma versão da música You don´t know me, do Caetano Veloso. E com direito à participação da poderosa Leona, a assassina vingativa. Duvida?

Dá uma olhada e até o próximo Arquivo Vice Verso!

sábado, 28 de novembro de 2009

Vitória (En)cantada



Vitorinha demora para trazer coisas bacanas. E quando traz parace que vem tudo ao mesmo tempo. Está aí o segundo semestre cultural que não nos deixa mentir. Fato que temos que nos dividir em 1000 para tentar ver tudo. Vamos à lista: semana que vem (de 30 de novembro a 5 de dezembro) começa o 16º Vitória Cine Video (VCV.



E na mesma semana teremos outro grande evento cultural, o Fórum de Mídia Livre, um encontro de tecnologia, música e diversas artes. Tudo de graça! DE GRA-ÇA! Dá só uma olhadinha na programação:


FESTIVAL MÚSICA LIVRE
& Seminário A MORTE DO POP-STAR
de 3 a 5 de dezembro de 2009
Centro de Arte/UFES


// PROGRAMAÇÃO SEMINÁRIO
:: Auditório do CEMUNI V, UFES – 15h às 18h


sexta / dia 4 de dezembro
mesa “A Invenção do Pop-star”
mediador: Irajá Menezes (SP)
convidados: Miguel Jost (Puc/RJ), Edson Natali (Itaú Cultural/SP), Mónica Vermes (UFES/ES) e Pablo Capilé (Espaço Cubo/MT)

sábado / dia 5 de dezembro
mesa “A morte do Pop-star”
mediador: Irajá Menezes (SP)
convidados: Ericson Pires (UERJ/RJ), Pedro Alexandre Sanches (CartaCapital/Rolling Stones/SP),
Gustavo Anitelli (Teatro Mágico/MPB/SP) e Eduardo Ferreira (MPB/OsViralata/MT)

// PROGRAMAÇÃO DE SHOWS
:: Tenda de Circo, Estacionamento do Centro de Artes, UFES


ABERTURA
quinta / dia 3 de dezembro
// às 21h
Jards Macalé
Graveola e o Lixo Polifônico (MG)
Vitrola de 3 (ES)
Sol na Garganta do Futuro (ES)
Ricardo Palm (SP)
Anne Oz (ES)
K.O (ES)
Kung Fuko (ES)


sexta / dia 4 de dezembro
// às 22h
Macaco Bong (MT)
Richard Serraria (RS)
Os Viralata (MT)
Fê Paschoal (ES)
Ócio (ES)
F.U.E.L (ES)
DJ SkolBitch (ES)
Tati Wuo (ES)
Rike Sick (ES)

sábado / dia 5 de dezembro
// às 22h
Tono (RJ)
Os Outros (RJ)
Qinho (RJ)
SoultoGroove (ES)
Trepax (ES)
André Paste (ES)
Jean Mafra (SC)
Angela Jackson (ES)
Manniquin (ES)
Semáforo (ES)
Soft Mobile Porn (ES)

Então, só digo uma coisa, semana que vem será bombante! O ovo vai chocar!

E não para por aí, antes de se jogar no VCV e no Fórum, você ainda pode ir ao cinema curtir um documentário que trata justamente do que mais gostamos de falar: música e poesia!

Estreia (atrasado) em Vix o documentário Palavra (En)cantada da diretora Helena Solberg. Doc que percorre uma viagem na história do cancioneiro brasileiro com um olhar especial para a relação entre poesia e música. Dos poetas provençais ao rap, do carnaval de rua aos poetas do morro, da bossa nova ao tropicalismo, Palavra (En)cantada passeia pela música brasileira até os dias de hoje, costurando depoimentos de grandes nomes da nossa cultura, performances musicais e surpreendente pesquisa de imagens. Ficou curioso? Depoimentos de Adriana Calcanhotto, Arnaldo Antunes, Chico Buarque, Jorge Mautner, Lirinha (Cordel do Fogo Encantado), Maria Bethânia, Tom Zé e muitos outros músicos e poetas. Sente um gostinho:


Imperdível!

O doc está em cartaz no Cine Jardins.

Sessões:
segunda a sexta: 15 h 30 / 19 h 20 - Todos os dias, exceto sexta, sábado e domingo
sábado e domingo: 19 h 20


Tem mais sobre o doc no site oficial.

Amo quando Vitória ferve! Agora deixa eu correr pra próxima sessão!

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

E a campanha continua


As votações para o prêmio Omelete Marginal continuam. E claro, a nossa campanha também. Estamos concorrendo como MELHOR PROGRAMA DE RÁDIO e queremos a frigideira de ouro sim!

Você ainda não votou? Está em dúvida? Nunca ouviu o programa? Ok, então assista esse vídeo e reflita. Mas não fique só na reflexão, é pra votar!

Com vocês, Djá Djá quebra conceito e a banda Methânia com um funk que vai agitar o verão!

Isso só acontece no Vice Verso!



E isso é só um pouco do que é o programa. Vitória é um ovo que adoramos chocar.

Terrorismo poético já! Vote!

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Teatro no rádio

O Vice Verso de hoje será um espetáculo! Músicas, poesias e Teatro no rádio. Já imaginou? Roda Viva, Calabar, Ópera do Malandro e Gota D´água. As peças de Chico Buarque como você nunca ouviu. Hum, e aquele áudio feito com a Zezé Motta e prometido de ir ao ar no post passado já está pronto para subir ao palco.

Mas a grande estrela da noite é conhecida por seus desenhos, peças, poesias e inúmeros trabalhos na área cultural capixaba. Um grande artista e multimídia conhecido por Milson Henriques.



E se falamos de Milson, lembramos imediatamente da Marly.


Tem como não amá-la?

E se falamos da Marly, lembramos do incrível sucesso da série teatral Hello, Creuzodete.



Isso e muito mais vocês conferem hoje no bate papo poético com Milson Henriques. Acho bom você não perder porque o Milson prometeu que além de trazer poesia, vai ENTREGAR OS VEADOS DE VITÓRIA. Hum, ficou curioso?

Não perca o Vice Verso de hoje, a partir das 20h, na Universitária FM 104,7 ou pelo site.

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Chocando o Omelete

Bom, que a lista dos indicados para o Omelete Marginal 2009 já saiu todo mundo já sabe (ou não?).

E que o Vice Verso foi indicado como Melhor Programa de Rádio vocês também já sabem (jura que não sabiam?).

Sim, ficamos muito felizes pela indicação e pelo reconhecimento. E tem muita gente boa na roda, afinal, a premiação reúne as pessoas que estão movimentando a cena cultural no ES. Mentes criativas e atuantes.

Que o Vice Verso choca Vitória vocês já estão cansados de saber. Agora queremos chocar o Omelete. Quer ajudar? Então vota aqui. Mas vota logo porque a votação vai até 1º DE DEZEMBRO!

É isso aê, campanha para o Vice Verso no Omelete Marginal 2009!

Ainda não sabe o que está acontecendo? Então se liga nos indicados:



E vê se não perde a próxima parada do Omelete: o Circuito Universitário



PS: Senhor Omelete, o nome do programa NÃO TEM HÍFEN! Somos tão marginais que fazemos nossa própria regra gramatical. Obrigado.

domingo, 18 de outubro de 2009

No meio do caminho estava Zezé Motta

Vitória pode ser um ovo, mas possibilita uma acessibilidade incrível. Bom, eu (Ítalo Galiza) vou explicar. Fui feliz assistir no Teatro da Ufes a premiada peça cubana La octava puerta, que por sinal foi fantástica e aplaudida de pé. Sim, vou dizer a típica frase: "quem não foi, perdeu!"

Até aí, tudo ótimo. Eis que de repente, no decorrer da peça, vejo entrar na plateia uma pessoa muito parecida com a atriz Zezé Motta. Mas será que é ela? Assim, do nada e aqui em Vitória??? Cutuquei meus amigos, estava escuro, "não pode ser ela...". A peça terminou. Uma hora e alguns minutos que voaram. Luzes acesas. "Vamos ver se é ela?". Fomos. Já catei um celular com gravador de um amigo, respirei fundo e fui até lá. ERA ELA! Aquele sorriso é inconfundível. Aproveitei o acesso surpresa e falei com ela do Vice Verso. Fiz todo o discurso. E claro, pedi pra ela mandar um recado para os ouvintes e mais, pedi pra ela declamar ou cantar. Ela escolheu cantar, mas deixou bem claro que também é apaixonada por poesia. Gente, foi de arrepiar. Ela cantou na minha frente, com toda a simpatia do mundo. E aí entra a questão da acessibilidade que Vitória permite. Provavelmente em outro lugar eu não teria toda essa facilidade. Taí o lado bom de Vitória ser um ovo. Não ache estranho se um dia você esbarrar com o Caetano na fila do banheiro do Coxixo. Eu não acharia. Não mais.

Pra quem ainda não tá acreditando:


foto by Lorena Lucas

Em breve vocês vão poder ouvir o áudio gravado com a Zezé Motta em algum programa que vai ao ar em algum dia (rs). Tá, prometo que aviso via Twitter.

Enquanto isso, vejam uma apresentação dessa grande estrela.
PS: Não ousei falar sobre o filme Xica da Silva, porque é tipo pedir para o Los Hermanos tocar Ana Julia.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Miguel Marvilla




Poeta, contista e historiador. Miguel Marvilla foi um grande parceiro da palavra. O poeta de Marataízes (ES) disse adeus no último dia 10, mas deixou os seus versos e obras para a eternidade.

O Programa Vice Verso de hoje fará uma pequena homenagem a este importante ícone da poesia brasileira.

Que horas? A partir das 20h. Onde? Na rádio Universitária FM ou pelo site

Confira um dos seus poemas:

SONETOS DA DESPAIXÃO - III

Quem é esta mulher, pulsando à espera
de um que lhe descubra seus mistérios
e em cuja pele clara seja breve
mas, sendo breve, ao fim lheseja eterno?

E, ex-subcutâneos, seus desejos,
tão antes resguardados, ei-los. Ei-los,
à tona da manhã, enfim despidos
(a inumerável teia de delicias

do mundo protegida), os nunca vistos
enigmas de ouro, sem disfarce
(que ela nunca pensaria haver por tê-los).

porque, à espera de alguém que a investigasse
e lhe fosse com calma até o sim,
achou foi de perder-se com si mesma.

Veja mais da obra de Milguel Marvilla

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Tudo vale a pena


Poesia e música conversam. Uma pode fazer versão da outra. E vice-versa. Você consegue imaginar uma relação entre Fernando Pessoa, Pedro Luís e a Parede, MV Bill e Fernanda Abreu? O Vice Verso consegue. E um verso une toda essa gente: Tudo vale a pena.

Para Fernando Pessoa, no poema Mar Português, "Tudo vale a pena se a alma não é pequena".
E na música Tudo vale a pena, Pedro Luís e a Parede rebate com "Tudo vale a pena sua alma não é pequena".

E o MV Bill e a Fernanda Abreu? Bom, vale a pena ouvir a versão dessa música na voz deles.







domingo, 27 de setembro de 2009

No princípio era o verso - a origem de tudo

Era uma vez um menino apaixonado por rádio. Ele adorava imitar locutores e mandar recados para ouvintes imaginários no estilo rádio AM. O menino cresceu, entrou para faculdade e teve a oportunidade de participar de um programa na rádio Universitária FM junto com outros 3 universitários. Era a hora de desligar a TV e aumentar o som, o Bandejão 104.7 estava no ar. Mas esses jovens não queriam só comida. Eles também queriam diversão e arte. Cada um teve o espaço para criar e fugir das batidas que já tocavam. Então, o menino apaixonado por rádio pensou, pensou, pensou. Ele queria algo ousado, diferente. Ele queria experimentar. Por que não tocar poesia no rádio? Já que na Antiguidade a palavra poética era palavra cantada, palavra para ser recitada. Mas será? Será que vai dar certo? O menino arriscou. Nasceu o Vice Verso. Um especial de 30 min dentro do Bandejão. Mas ainda faltava um tempero para engrossar o caldo. E dizem que em Minas os temperos são poderosos. E sabedoria popular não engana. Direto da terra do pão de queijo apareceu uma menina. Ela nascera no ES, mas estava um tempo por lá. Mas voltou pra fazer o quê? Ela não passava de uma menina apaixonada pela palavra e com o desejo de levar poesia para as pessoas. Opa, mas não é isso que o menino apaixonado por rádio também quer? E nas estrofes do cotidiano, eles se esbarraram no verso da experimentação. Foi tipo queijo e goiabada. Casamento perfeito. O menino apaixonado por rádio dividiu o seu sonho com a menina apaixonada pela palavra. O sonho de misturar música e poesia no rádio ganhava mais força. O Programa Vice Verso amadureceu. Foi da poesia urbana do Rap à poesia erudita de Machado de Assis. O Vice Verso passou os limites do rádio e chamou a atenção da mídia nas terras capixabas. O terrorismo poético do menino e da menina chegou até A Gazeta. E ecoou por outras mídias. O sonho deles cresceu, passando a ter, desde de agosto de 2009, uma hora de duração, toda quarta-feira.

O menino e a menina estão com fome de poesia e música. E estão longe de estarem satisfeitos. Para eles, Vitória é um ovo e o que eles mais querem é chocar. E isso é só o começo.



Ítalo Galiza. O menino apaixonado por rádio.



Jamille Ghil. A menina apaixonada pela palavra.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Versos cariocas


O Vice Verso desta semana faz um passeio pelas paixões, poesias, músicas e boemias de Vinícius de Moraes, trazendo também outros grandes intérpretes, como Tom Zé, Los Hermanos, Bebel Gilberto, Fernada Takai, entre outros.

No quadro Geléia Geral teremos a presença da atriz e diretora Margareth Galvão e do ator Higor Campagnaro. Eles farão uma performance dramática de um trecho da peça Orfeu da Conceição, de Vinícius.

Imperdível! Não vai dar para ouvir no rádio? Então ouça pelo site.
É hoje, às 20h, na Universitária FM 104.7

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Qual o lugar da poesia?

Pergunta difícil? Para o Sérgio Sampaio não. Sabe por quê? Porque ele sabia observar. Ainda não entendeu? Tudo bem, Sérgio Sampaio era músico, compositor, poeta, gênio e é uma inspiração para o Vice Verso. Saiu de Cachoeiro de Itapemirim (aham, ele é capixaba) para levar sua poesia para o Brasil. Ele colocou o bloco na rua e falou pra todo mundo que "lugar de poesia é na calçada". E o Vice Verso acredita. Você não acredita? Então olhe a sua volta. A poesia está aí, na calçada, nas ruas...soltas em qualquer lugar. Ouça, enxergue, observe.

Foi o que ele fez:

video

Veja a letra.

Primeiros versos

O Programa Vice Verso segue as ondas do rádio e chega à internet. Já passou da hora de termos um blog. Aqui será mais um espaço de música, poesia, experimentação, performances e bate-papo poético. Do rádio para o blog, do ritmo à palavra. Aqui é livre. O verso é nosso! Sejam bem-vindos!



Mundo controverso
na voz do eleito
o aplauso diverso
mantém o respeito
Do avesso o vice
E vice-versa
O vice versa?
O vice conversa
que é o inverso do verso
que versa o vice
o vice não versa
o vice é verso
Vice Verso
Vice Verso

Ítalo Galiza